Dicas para entrevistas na Pfizer

As entrevistas baseadas em comportamentos são orientadas pela filosofia de que o desempenho passado prevê o desempenho futuro. Como o desempenho é resultado da forma como nos comportamos, podemos  prever o desempenho futuro de um candidato examinando, ou avaliando comportamentos passados.

As entrevistas baseadas em comportamento destinam-se a avaliar o candidato em relação a um conjunto pré-definido de competências exigidas para a função. As competências são os atributos de um individuo que são importantes para o desempenho eficaz numa função e são normalmente uma combinação de aptidões, habilidades, motivação e conhecimentos.

Como é que as entrevistas baseadas em comportamentos são conduzidas?

Uma entrevista baseada em comportamentos é uma entrevista estruturada composta por perguntas específicas relacionadas com cada área a ser avaliada. O entrevistador irá pedir-lhe  exemplos específicos de comportamentos passados que evidenciam cada competência, e todos os candidatos à mesma oportunidade responderão às mesmas perguntas. As perguntas geralmente começam com “Fale sobre uma ocasião em que…” ou “Dê um exemplo de…”. Cada pergunta é seguida de uma série de pedidos de esclarecimento por parte do entrevistador para reunir todas as informações necessárias sobre cada competência.

Como se deve preparar para uma entrevista baseada em comportamentos?

Agora que já tem uma ideia do que é e como é conduzida uma entrevista baseada em comportamentos, pode começar a preparar-se e praticar para uma.

Infelizmente, não podemos dizer exatamente quais os comportamentos ou competências que estamos a avaliar na entrevista. No entanto, você deve pensar em situações pelas quais passou que nos demonstrem que tem as qualidades que estamos procurando. Pense em situações específicas e relacione-as às perguntas feitas e às habilidades avaliadas.

Uma técnica útil para se preparar e para responder a perguntas baseadas em competências é a técnica “S.C.R”. Este acrônimo é um lembrete de como estruturar a sua resposta.

  • Situação – qual era o contexto/a situação do exemplo?
  • Comportamento – o que se exigia de você em termos de metas/objetivos/desafios? Que medidas tomou?
  • Resultado – o que aconteceu/qual foi o resultado das suas ações?

Será pedido que dê exemplos específicos detalhados. Ao usar este formato, é útil mostrar ao entrevistador um pouco da Situação, mas a maior parte do exemplo deve demonstrar o seu Comportamento – o que fez e disse naquela situação. É sempre uma boa ideia também pensar nos desafios e problemas que enfrentou e como os superou, bem como o que aprendeu com as experiências.

Seguindo esse formato, você dará ao entrevistador uma boa compreensão de sua experiência e seu comportamento.

Dicas para a entrevista

  • Seja você mesmo – aja com naturalidade; o entrevistador quer conhecê-lo.
  • Não tenha medo de usar o tempo necessário para reunir as ideias e pensar no exemplo mais adequado à pergunta antes de falar.
  • Pode fazer perguntas – lembre-se: trata-se de um diálogo.
  • Pode pedir ao entrevistador para repetir a pergunta, ou esclarecer o seu entendimento sobre o que está sendo perguntado.
  • Se não tiver a certeza de que o seu exemplo é o que o entrevistador está procurando, no final da resposta confirme se  respondeu à pergunta dele.